Retrospectiva Literária 2014


Em 2014 tive muitas coisas da faculdade pra fazer, então acabei não lendo tanto quanto gostaria. No início do ano achei que não ia passar dos 10 livros, mas consegui chegar nos 21 - infelizmente 4 a menos do que 2013. Mas posso ficar contente mesmo assim, pois não li nada realmente ruim (ah, como foi bom me livrar de boa parte dos livros obrigatórios da faculdade, hehe).

Como fiz no ano passado, preparei uma retrospectiva literária para vocês. Quem inventou a tag neste formato foi a Tary do Doces Rodopios, e adoro porque é um tanto detalhada e em forma de perguntas, não apenas para indicar favoritos e etc. Quer ver só?

Livros lidos em 2014:
  • A Última Música - Nicholas Sparks;
  • Bela Maldade - Rebecca James;
  • Estilhaça-me - Tahereh Mafi;
  • Destrua Este Diário - Keri Smith;
  • Contos da Seleção - Kiera Cass;
  • Todo Dia - David Levithan;
  • Pandemônio - Lauren Oliver;
  • A Escolha - Kiera Cass;
  • Cidade de Vidro - Cassandra Clare;
  • Um Amor Para Recordar - Nicholas Sparks;
  • Divergente - Veronica Roth;
  • The 100: Os Escolhidos - Kass Morgan;
  • A Cidade do Sol - Khaled Hosseini;
  • Os Contos de Beedle, o Bardo - J. K. Rowling;
  • Orgulho e Preconceito - Jane Austen;
  • Insurgente - Veronica Roth;
  • Mídia Impressa - Newton Cesar
  • Réquiem - Lauren Oliver;
  • Extraordinário - R. J. Palacio;
  • Vende-se em 30 segundos - Tiago Barreto;
  • Convergente - Veronica Roth;
  • Maze Runner: Correr ou Morrer - James Dashner.

• O casal mais apaixonante:
Apesar de ter lido alguns livros mais românticos este ano, não fiquei realmente apaixonada por casal nenhum, dá pra acreditar? Não, FourTris sequer chegou no meu coração. Thomas e Teresa me deixa com aquela pulga atrás da orelha, mas não são exatamente um casal (até onde li, pelo menos). Acho que os enamorados que me encantaram como casal foram apenas Mr. Darcy e Lizzie Bennet, de Orgulho e Preconceito. Nunca tinha lido nenhum romance do gênero, muito menos da Jane Austen, e achei simplesmente encantador como tudo aconteceu entre eles. Mal posso esperar por ler mais coisas da autora!

• Virei a noite lendo:
Como disse no post do ano passado, sempre leio de madrugada. Mas foram dois os livros que não consegui desgrudar os olhos até terminar: Extraordinário e Correr ou Morrer. O primeiro tinha uma história tão encantadora, um desenvolvimento tão bonito, que não conseguia segurar a curiosidade (além de que tive algumas noites de insônia em que li a madrugada toda); No primeiro livro de Maze Runner os capítulos terminam de maneira tão bombástica que era impossível parar!

• Chorei de soluçar:
A Cidade do Sol. Acho que todo mundo já tinha lido esse livro há anos, menos eu. Porém depois que ganhei O Caçador de Pipas me tornei uma grande fã do trabalho do Khaled Hosseini, porque suas histórias sempre conseguem tocar no fundo da minha alma, me deixando extremamente envolvida e sensibilizada. Adoro livros assim!

• Livro irrelevante do ano/O mais chato:
Não me matem. Mas pra mim o livro mais chato do ano foi Cidade de Vidro. Não critico nem a história em sí, é muito criativa e até gostei, o meu problema é com a escrita da Cassandra Clare. Pra mim ela poderia resumir aquelas quase 500 páginas em 200 facilmente: não consigo gostar do quão detalhista ela é. Fora que pela quantidade de coisas que acontecem nesses livros, pra mim a história estaria ocorrendo no decorrer de meses (pelo menos juntando todos os 3 livros), mas quando ela explica, são apenas dias (fico muito wtf? com isso, confesso).

• Grifei:
Não gosto de grifar meus livros, mas a história que me deixou com aquela vontadinha de tantas coisas bonitas que dizia foi Extraordinário. Estou doida para ler o livro de preceitos do Sr. Browne, só pelas frases inspiradoras que deve ter.

• Soco no estômago:
A Cidade do Sol. Como lidar com as lágrimas e todas coisas que o Hosseini me faz pensar e sentir? Tudo o que as mulheres afegãs passam, tudo o que essas duas protagonistas em especial passaram... É demais pra qualquer ser humano sequer pensar em aguentar. Agora imaginem pensar que boa parte das moradoras do Afeganistão passam por coisas parecidas. É de doer o coração!

• Decepção do Ano:
Os Escolhidos. The 100 é com certeza uma das melhores séries que assisto atualmente, mas tem um problema: não consigo gostar dos personagens. E não digo gostar de amar, mas sequer consigo sentir empatia pela maioria deles. O livro foi super decepcionante por motivos de: alguns personagens são sim cativantes - os dois melhores sequer aparecem na série, fueeem - mas a história é muito superficial. Tem um número exagerado de pontos de vista, que acaba andando em círculos.

• Abandonei:
O único livro que abandonei de verdade esse ano foi um que deveria ler para a faculdade: Redação Publicitária - Teoria e Prática. Simplesmente não conseguia ler 2 páginas sem cair no sono. Era literalmente um baita de um remédio pra insônia. Adoro Redação Publicitária, mas estudar suas teorias é um plong (Clareanos entenderão, hehe).

• Morri de rir:
Gente, estou em choque. Não tive nenhuma leitura realmente leve esse ano. Os únicos livros que me tiraram algumas risadas foram Extraordinário e Correr ou Morrer. O primeiro, pela inocência e piadinhas que alguns dos personagens faziam, e o seguindo por algumas frases engraçadas e sarcásticas ao longo do livro. Mas nada era realmente humor.

• Infanto-juvenil:
Extraordinário (preciso parar de falar desse livro ein) e Os Contos de Beedle, o Bardo.

• Não é tudo isso:
Um Amor para Recordar. Gostei? Adorei, mas não é tudo isso que algumas pessoas falam, sobre ser o ápice dos livros de romance ou coisas desse tipo.

Bate bola de personagens:
  • Melhor personagem masculino: Thomas, de Maze Runner.
  • Melhor personagem feminina: Mariam, de A Cidade do Sol.
  • Personagem mais chato: Annabel, a mãe da Lena da trilogia Delírio.
  • Personagem mais perturbador: Se eu falar a Tris de Divergente vocês vão me matar? As escolhas e os motivos dela me perturbaram nos três livros.
  • Personagem que mais me identifiquei: Auggie, de Extraordinário.
  • Paixão do ano: Maxon, de A Seleção

• Pior Livro do Ano:
Convergente. Por motivos de: eu esperava mais, esperava explicações melhores e mais interessantes do que as que foram dadas. Não, aquele spoiler que todo mundo sabe não é a pior coisa do livro.
 
• Melhor Livro do Ano:
Difícil escolher um, já que quatro dos livros que li esse ano entraram pros meus favoritos. Mas vou ficar entre Correr ou Morrer e Insurgente. Ambas as distopias foram maravilhosas, deixaram a minha cabeça a mil e ao final fizeram meu cérebro explodir!

Viram só como não li nada ruim esse ano? Claro que meus escolhidos para essa retrospectiva ficaram meio repetitivos, mas o que vou fazer se gostei de verdade desses livros, ein? Hehe. E você aí, quais os melhores e piores livros que leu em 2014? Me contem aí nos comentários.


Nos acompanhe nas redes sociais:

12 comentários

  1. Convenhamos q uma casal como Darcy e Lizzy não tem igual! <3
    Cidade de Vidro tbm é ótimo *O*
    Gostei do post ^^

    Kissus | http://imaginandomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Mr. Darcy é apaixonante! Não do tipo que nós estamos acostumadas a ler nos romances de hoje em dia. E olha que tem muitos personagens inspirados nele atualmente. "The 100" me decepcionou um pouco no papel também. Tipo, acho a ideia criativa, diferente, mas tenho mais apego com personagens que criaram especialmente para a adaptação na tv. hehe "Convergente" teve um final meio bleh! Achei que dava pra terem trabalhado melhor esse último volume da série e, por várias vezes, finalizado a história no momento certo e não enrolarem até não poder mais. Maaas, pra compensar tudo isso... podemos suspirar com Maxon e cia por mais um tempo. Vem mais Kiera por aí. hahah

    Beijo, beijo - http://megsarmybookclub.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. São tantos livros bons que não tenho como enumerar. Li alguns da tua lista, mas o meu personagem preferido é o Aug de Extraordinário.

    http://mundo-restrito.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Tô louca pra ler extraordinário faz tempo e só fico enrolando. Acho que agora vou em frente, rs.

    Beijos, Ló
    http://www.garotasdizem.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi, Jéssica, tudo bem?
    Ainda não li nenhum dos livros citados, mas "Orgulho e Preconceito" está na minha meta para 2015. :)

    Beijos,
    Nina & Suas Letras

    ResponderExcluir
  6. Bah, tu só leu livros bons hein. Eu nunca reparei no quanto a Clare é detalhista nas histórias, mas eu só li até Cidade das Cinzas então não dá pra falar muito kkkk
    Achei lindo Extraordinário ser tão bem falado, esse livro merece ser conhecido por todo mundo, é maravilhoso.
    Beijos!

    vicioliteral.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Oii
    Que bom que gostou de A cidade do sol, eu li e amei. Não é a toa que Khaled é meu autor favorito.
    Você fez ótimos leituras ano passado.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oiee! ^^
    Adorei sua retrospectiva! :D Somente Livros bons!!!!! E muitas séries que quero ler! hahaha ^^
    Talvez esse ano eu leia A Série Divergente e Maze Runner! Ainda não li nenhuma das duas! O.O
    E falta conhecer Extraordinário! O.O

    Beijos e até logo! :D
    http://worldofmakebelieveblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  9. Concordo com você em vários pontos, parabéns pelos post. http://luanna-porto.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. li pouquíssimos livros em 2014 =/
    Apenas 4 para ser exata. O que mais gostei foi Como ser uma Parisiense em qualquer lugar do mundo, achei muiiito divertido e irônico.
    Já que tive tão pouco tempo para ler, não desperdicei lendo livros ruins, então não tive o "pior" livro. rs
    Beijo,

    Blogdeaventuras.com ♥

    ResponderExcluir
  11. Oi! Tô louca para ler Requiem. É uma das minhas séries distópicas favoritas, e eu quero saber como termina... Enfim, adorei o post :)

    ResponderExcluir
  12. Muito boa a listinha! Eu também não li o quanto gostaria porque acabei tendo que finalizar um livro que estava escrevendo, mas isso é o de menos porque esse ano eu vou ler muito mais e escrever mais ainda! kkkkk Desses eu queria muito ler A última música, já tenho aqui, só falta incluir na listinha. Ah...estilhaça-me eu li também.
    Beijos!
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário, dica, sugestão ou resposta ao post.
Um abraço, e volte sempre <3