Resenha: A Última Música — Nicholas Sparks.

Título: A Última Música.
Autor: Nicholas Sparks.
Editora: Novo Conceito.
Ano de Lançamento: 2010.
Páginas: 397.


Aos dezessete anos, Verônica Miller, ou simplesmente Ronnie, vê sua vida virada de cabeça para baixo, quando seus pais se divorciaram e seu pai decide ir morar na praia de Wrightsville, na Carolina do Norte. Três anos depois, ela continua magoada e distante dos pais, particularmente do pai. Entretanto, sua mãe decide que seria melhor para os filhos passarem as férias de verão com ele na Carolina do Norte. O pai de Ronnie, ex-pianista, vive uma vida tranquila na cidade costeira, absorto na criação de uma obra de arte que será a peça central da igreja local. Ressentida e revoltada, Ronnie rejeita toda e qualquer tentativa de aproximação dele e ameaça voltar para Nova York antes do verão acabar. É quando Ronnie conhece Will, o garoto mais popular da cidade, e conforme vai baixando a guarda começa a apaixonar-se profundamente por ele, abrindo-se para uma nova experiência que lhe proporcionará uma imensa felicidade – e dor – jamais sentida. Uma história inesquecível de amor, carinho e compreensão – o primeiro amor, o amadurecimento, a relação entre pais e filhos, o recomeço e o perdão – A ULTIMA MÚSICA demonstra, como só Nicholas Sparks consegue, as várias maneiras que o amor é capaz de partir e curar seu coração.  

Ronnie é uma jovem revoltada devido a separação de seus pais. Mora em Nova York com a mãe, com quem briga constantemente, e frequenta muitas festas e baladas. Diferente de seus amigos, nunca bebeu ou usou drogas. Apesar do cabelo com mechas coloridas e de todo o estereótipo, vemos de cara que ela tem uma boa cabeça, uma personalidade boa. Prova disso é seu relacionamento com o irmão Jonah, com quem é sempre muito carinhosa.

Após a separação nunca mais quis saber de seu pai, Steve. Nunca atendeu nenhuma ligação dele e sequer leu as cartas que este enviava, acreditando que ele tivesse abandonado a família após ter traído sua mãe. Mas, do nada, ela se vê obrigada a passar o verão inteiro na casa de seu pai junto com seu irmão, o que a deixa mais revoltada.

Mas durante aquele verão muitas coisas acontecem. Ela conhece Will, um rapaz de família rica, aparentemente um mauricinho, que fica encantado por ela, e ambos acabam se apaixonando. Mas ele guarda um segredo, um segredo que pode abalar o relacionamento deles e acabar com a vida de seu melhor amigo, Scott.

Falando em segredos, Steve guarda muitos. Ronnie também acaba se envolvendo em problemas com a polícia e com uma gangue de Wrightsville. E todas as situações fazem com que ela se aproxime de seu pai, e quando os segredos vêm a tona, ela sente que precisa rever suas atitudes e todos os erros que cometeu.

Primeiramente, vou contar como esse livro veio parar nas minhas mãos: tinha ganhado um New Adult de Natal de uma amiga da minha mãe. Pensei "é, vou ler meu primeiro". Mas depois pensei melhor, li resenhas e vi que não iria gostar nadinha do livro, como o gênero em sí também não me atrai. Resolvi trocar e entre poucas opções, escolhi A Última Música, o primeiro livro que li do Nicholas Sparks.

Nunca li nada do autor porque achava que seria meloso e dramático demais. Mas como A Última Música muita gente elogia, mesmo pessoas que não são faz no Nicholas, resolvi matar a curiosidade. E pra minha surpresa adorei! Principalmente pelo fato de tratar da relação pai e filha acima do romance. Preciso dizer que chorei horrores?

O livro me fez até repensar algumas coisas da vida... Como devemos valorizar as pessoas enquanto as temos ao nosso lado, a ouvir sempre todos os lados das histórias e acima de tudo: ter coragem de encarar nossos erros.

Adorei o livro e apesar de no começo estar achando o livro confuso - pelo fato de cada capítulo ser narrado por um personagem - no final das contas isso faz muita diferença, e torna a história mais clara e envolvente.

Desculpem a demora na resenha, e a falta de postagens. Estou realmente desanimada esses dias e sem inspiração para escrever meia dúzia de frases. 

14 comentários

  1. Eu já li esse livro, me apaixonei muito por essa história, houve partes em que até chorei. Gostei muito do enredo e de como a história tomou rumo.
    Mas quando assisti o filme, tive vontade de ligar para o diretor e perguntar o que ele tinha na cabeça. Sinceramente o filme é horrível, nada haver com o livro, sem emoção alguma.

    http://sonhodas4estacoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério que o filme é tão ruim? :O
      Socorro, logo a emoção que era tipo, o carro chefe do livro a partir de serto ponto, eu ein.

      Obrigada pelo comentário, Daiane!
      http://obsessivejerk.blogspot.com.br/

      Excluir
  2. Tenho esse livro, e amei tudo !
    www.unhasebocas.blogspot.com.br
    www.facebook.com/pages/Unhasbocas/477832645611169

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada amore *-*
      http://obsessivejerk.blogspot.com.br/

      Excluir
  3. Oiee ^^
    Esse é o meu livro favorito no Sparks, tenho só ele do Nicholas (parei de gostar dos livros dele há algum tempo, mas li vários, e A última música é o mais legal).
    MilkMilks
    DM
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah esse é o primeiro que li dele, como disse, hehe.
      Mas vi que é o favorito de várias pessoas, por isso também arrisquei xD

      Obrigada pelo comentário!
      http://obsessivejerk.blogspot.com.br/

      Excluir
  4. Este seu post aumentou minha saudade de ler Nicholas Sparks!
    Não desanime de postar. Mas sei que essas fases sem inspiração aparecem de vez em quando. :~ Beijos

    www.ratasdebiblioteca.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah obrigada pela força Thaís *-*
      Obrigada também pelo comentário!
      http://obsessivejerk.blogspot.com.br/

      Excluir
  5. Ah, que vontade de ler Nicholas Sparks! <3 Sério, ele SEMPRE me emociona, mesmo que todo mundo diga que seus livros tenham uma fórmula igual.
    Espero que você continue lendo livros deles.

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn que bom que a resenha te deixou animada Luara!
      Quanto a ler outros dele... Sei lá, não fiquei muito animada /:
      Mas quando tiver oportunidade, lerei sim!

      Obrigada pelo comentário!
      http://obsessivejerk.blogspot.com.br/

      Excluir
  6. Já assisti o filme e não curti muito, por consequência eu meio que não tenho interesse em ler o livro, rsrs. Mas muita gente curte o Sparks e o trabalho dele.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha, dizem que o filme desmerece e muito o livro /:
      E ainda por cima tem Miley Cyrus :x

      Obrigada pelo comentário!
      http://obsessivejerk.blogspot.com.br/

      Excluir
  7. Olá Jéssica, seu blog foi indicado por mim ao selo The Versatile Blogger Award. Para obter mais informações é só acesar o link abaixo: Abraços! *-*

    http://morada-dos-livros.blogspot.com.br/2014/01/selo-versatile-blogger-award.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oin obrigada Camila!
      Confira, já fiz o selinho :D

      Obrigada pelo comentário!
      http://obsessivejerk.blogspot.com.br/

      Excluir

Deixe aqui seu comentário, dica, sugestão ou resposta ao post.
Um abraço, e volte sempre <3